terça-feira, 19 de junho de 2012

A entrevista de Kassab na TV Gazeta


Ontem em entrevista na TV Gazeta quando questionado sobre qual “era a do” partido do Kassab, o PSD, ele disse simplesmente que era um partido de centro com forte presença do Estado, nada mais.
Outro resposta "interessante" foi sobre o apoio a Serra, que ele disse ter um projeto melhor pra cidade, mas como antes ele tentou apoiar o candidato a Prefeitura de SP do PT, então se nesta mesma entrevista estivesse do lado de Haddad, diria que o apoio era porque este tinha o melhor plano de governo pra cidade?
Cuidado com seu voto, enquanto estes “caras” ficam pulando de galho em galho que nem macaco, “trocando figurinhas” o resto da população tem que arcar com o prejuízo de aguentar o “rojão” por mais 4 anos, e não se iluda com esta coisa da cidade estar mais bonitinha, sem ambulantes, nós não estamos na Dinamarca, Suécia onde o índice de desenvolvimento humano é realmente melhor para que as ruas sejam mais “limpas”, aqui há uma enorme desigualdade social e desemprego e estas pessoas que a Prefeitura “varre” simplesmente das ruas, muitas podem engrossar o exercito de “zumbis” que vagam nas noite da cidade de SP sem esperança, outras com menos paciência e estrutura pra aguentar esta situação, entram em desespero e partem pro “outro lado”, é fácil perceber isto analisando o aumento da criminalidade e o aumento de pessoas presas.
Outro dia conversando com um policial que me dizia que eu não podia vender artesanato em uma rua da cidade, eu falava sobre o direito a sobrevivência, que uma pessoa proibida de trabalhar não era uma coisa saudável pra sociedade, ele me respondeu que neste caso aí entraria a outra função dele me mostrando a sua arma. A conversa até que foi amigável, mas analisando friamente, pra quem vota em pessoas que causam a desgraça em massa, é melhor procurar ajudar quem tenta trabalhar, criando alternativas com projetos que funcionem de verdade, ou “passar por cima de tudo”, “lavar a cidade” e depois gastar mais dinheiro combatendo o resultado deste serviço mal feito, lotando os presídios ou gastando mais dinheiro com benefícios do governo pra atender a demanda de mais pobres na cidade?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O dia do ladrão Fui roubado, entraram na minha casa, quebraram o vidro e arrombaram um cadeado, já era previsto e tinha tirado já ...