sábado, 31 de dezembro de 2011

Paul Di'Anno/ O primeiro vocal do Iron

Pra terminar mais um ano e prosseguir fazendo tudo igualzinho no próximo , obedecendo ao controle supremo dos supostos donos do mundo, destruidores, os "cupins da humanidade" e seus seguidores, nada melhor que ver uma das melhores "porradas" do Heavy Metal, pra aliviar esta nossa breve jornada no planeta Terra e,...esperando e claro, fazendo alguma coisa pra mudar as regras do jogo.
O próprio Rock


Running Free Paul DiAnno

 

Feliz Ano Novo

pinguin feliz Gif/emoticon especial de ano novo: Pinguin feliz

sábado, 24 de dezembro de 2011

Sim...É possível sobreviver ao Natal














-->
Ruas lotadas, tudo mais complicado, transito travado, pessoas que se transformam em misseis humanos vindo na sua direção sem mudar a trajetória. Quando chove este misseis humanos usam um equipamento extra que pode furar os seus olhos; O guarda chuva. Carros e motos saindo por todos os lados, todos com muita pressa e nervosismo, podem passar em cima de você, mas...é Natal.
Ônibus lotado levando pessoas para os Shoppings pra comprar tudo o que vem da China, afinal dificilmente alguém vai encontrar algum produto sem a etiqueta Made in China, então é isto vamos correndo comprar os presentes para nossos amigos, vamos criar empregos la fora comprando esta infinidade de cacarecos reluzentes e depois de algum tempo os nossos amigos também estarão nas filas de empregos, pra tentar uma vaga de empacotador, caixa, ou vendas pela Internet e telefone pra ...vender produtos da China. Enquanto isto eu e mais um tanto de artesãos e pequenos fabricantes, vamos correndo pra fila da sopa pra guardar o nosso lugar, porque atualmente pouca gente sequer olha pra esta “coisa” chamada artesanato, então se a gente não fizer “magica” ou vender alguma coisa reluzente...da China, vamos entrar numa fria. Mas tudo em nome do Natal.
Também não deixem de ver o presépio vivo na cidade de São Paulo, original, um dos únicos no mundo; Os artesãos de rua sem licença pra trabalhar, você encontrará eles espalhados pela cidade, um pano jogado no chão, um pequeno painel e uma mochila pra jogar tudo dentro e correr da Guarda Municipal que também faz parte do presépio vivo com as suas lindas viaturas que piscam o tempo todo na caçada. É natal, alguem se lembra do nome da pessoa que se comemora esta data ou qual o sentido verdadeiro de tudo isto? Acredito que uma boa parte, principalmente do comando que manda a policia pra cima do pessoal que tenta trabalhar nas ruas e dos amigos deste comando e lobistas que, passam o ano pendurado no "saco" desta gente pra pedir a proibição do artesanato na cidade...NÃO!!!




terça-feira, 13 de dezembro de 2011

“A PRIVATARIA TUCANA”

BAIXE O LIVRO “A PRIVATARIA TUCANA”, de Amaury Ribeiro Jr.

13 12 2011 PDF do livro “A PRIVATARIA TUCANA”, de Amaury Ribeiro Jr., está disponível para download na web!!!
Leiam a divulguem ao máximo, para que caso pensem em censurá-lo, ele já esteja circulando ao máximo em várias praças do Brasil!!
Para baixar, acesse o linque:  http://hotfile.com/dl/137371994/8571dd5/RIBEIRO_JR_Amaury_-_A_privataria_tucana.pdf.html
 http://bolaearte.wordpress.com/2011/12/13/baixe-o-livro-a-privataria-tucana-de-amaury-ribeiro-jr/

sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Trabalhar com artesanato em SP não pode, agora a Prefeitura dar mais de 200 por cento de aumento , pode...

Câmara Municipal

Triplica salário do 2º escalão da prefeitura de São Paulo

Remuneração dos secretários adjuntos passará de 5 455 reais para 18 329 reais e dos subprefeitos, de 6 573 reais para 19 294 reais

http://veja.abril.com.br/noticia/brasil/triplica-salario-do-2o-escalao-da-prefeitura-de-sp 

Mudando um pouco, uma noticia desta é muita coisa pra cabeça, então...

AC/DC Let there be rock (1977, Unedited video version)

The Who

The Who - Behind Blue Eyes 1975/ShorthandedGoal


 imagens/Google

Keith Moon (bateria)Segundo a lenda ele foi fazer um teste para entrar na banda e acabou destruindo a bateria, achando que tinha se dado mal, foi saindo de fininho quando foi chamado pelo guitarrista que percebeu que era daquela energia que precisavam.
Aquele cara alí vestido de mulher, parece que de rainha.

quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

Sábado, mais um dia proibido de trabalhar, os artesãos protestam/SOS ARTESANATO DE SP PARTE IX

No ultimo sábado as coisas não mudaram na Rua Teodoro Sampaio, segue a repressão. Só temos mais duas semanas antes do natal e pelo que estamos vendo somente eles, as pessoas que estão por trás disto, deste tipo de ordem, terão motivos e dinheiro pra comemorar. As pessoas , fora a Prefeitura, são muitas, tantas que acaba sendo até difícil de eleger só um culpado, mas de qualquer maneira espero que estejam seguras do que estão fazendo, atrapalhando, atrasando a vida dos outros, diretamente, e aquelas que agem indiretamente e também as que podem fazer alguma coisa, mas preferem o silencio, se escondem, espero que consigam dormir tranquilas, porque nós muitas veses ficamos andando em volta dos moveis tentando pensar numa solução. Mas não vamos desistir, ali na Rua Teodoro existe uma feira aos sábados de arte e artesanato de rua e as pessoas que votam e andam pela rua apóiam isto através das assinaturas do abaixo assinado. Pra nós agora virou questão de honra lutar pelos nossos direitos e mostrar para todos toda a sacanagem que esta por trás disto. Seguiremos na rua , todos os sábados, contando toda a história no mural da Teodoro Sampaio.






















Musica, arte, tem a ver com a Rua Teodoro Sampaio aos sábados, repressão a cultura popular, as manifestações artisticas de rua, nada tem a ver com a Rua Teodoro Sampaio













NÃO VAMOS SAIR, NESTA RUA AOS SABADOS, HÁ MAIS DE 10 ANOS FUNCIONA UMA FEIRINHA DE ARTES E ARTESANATO DE RUA.
EXIGIMOS O NOSSO DIREITO DE VIVER DAQUILO QUE ESCOLHEMOS COMO PROFISSÃO E MODO DE VIDA.

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

"Qual é a sua estrada, homem?" Jack Kerouac

"Qual é a sua estrada, homem? - a estrada do místico, a estrada do louco, a estrada do arco-íris, a estrada dos peixes, qualquer estrada... Há sempre uma estrada em qualquer lugar, para qualquer pessoa, em qualquer circunstância. Como, onde, por quê?"

Jack Kerouac

Jack Kerouac (12 de março de 1922 - 21 de outubro de 1969), escritor estadunidense. Autor de On The Road. 
Jack Kerouac, "The Mad Ones"sarahlseven
 
 

domingo, 4 de dezembro de 2011

Uma tragédia indígena

Pistolagem, homicídio, suicídio, desnutrição, alcoolismo, racismo, narcotráfico, desmatamento e falta de terra. A expectativa de vida do maior grupo indígena do país é de 45 anos, só comparável à do Afeganistão

RICARDO MENDONÇA, DE DOURADOS (MS), E MARIANA SANCHES

A índia Sandriele, da etnia guarani-caiová, num dos barracos do acampamento Apikay, na estreita faixa entre a BR-463 (ao fundo) e a cerca de um canavial. Há anos sem nenhuma atividade, sua família só sobrevive das doações de cestas básicas (Foto: Filipe Redondo )

sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

Arte na Rua/Arte na Rua/Arte na Rua...

Arte na Rua.
Porque as pessoas precisam de lugares na cidade ocupados por artesanato, musica, poesia, para que possam dar uma escapada, mesmo que seja por pouco tempo, da sua rotina  diária.
Arte na Rua.
Para que mais pessoas possam mostrar o seu tipo de arte e viver daquilo que escolheram para as suas vidas e não sejam mais perseguidas como o que esta acontecendo agora em São Paulo.
Se a prefeitura organizar os espaços para a arte na cidade, mais pessoas poderão trabalhar e os artesãos e artistas de rua que no momento estão proibidos ao trabalho em nome de grupos que dominam o espaço publico e pedem para reprimir o nosso trabalho,  até vão poder comemorar o Natal como todas as pessoas e não ter um Natal de fome como este.
O pior desta perseguissão causada pela ignorância do poder publico que atende ao pedido destas pessoas, é que a maioria delas nunca fez artesanato nas suas vidas, uma destas pessoas que nos forçou a mais uma audiência publica na Câmara Municipal, disse isto pessoalmente, na frente de dois vereadores, que ainda por cima concordaram com o pedido dela que tinha só como meta, atrasar o andamento do nosso projeto de lei, o PL 799/05

























Obs: Nós pedimos para os moradores para usar a grade do portão com as faixas e papelão. O material, papelão no final do dia nos devolvemos ao lixo, não fica sujeira na rua.

terça-feira, 29 de novembro de 2011

"Os pinos redondos nos buracos quadrados" Jack Kerouac

"Aqui estão os loucos. Os desajustados. Os rebeldes. Os criadores de caso. Os pinos redondos nos buracos quadrados. Aqueles que vêem as coisas de forma diferente. Eles não curtem regras. E não respeitam o status quo. Você pode citá-los, discordar deles, glorificá-los ou caluniá-los. Mas a única coisa que você não pode fazer é ignorá-los. Porque eles mudam as coisas. Empurram a raça humana para a frente. E, enquanto alguns os vêem como loucos, nós os vemos como geniais. Porque as pessoas loucas o bastante para acreditar que podem mudar o mundo, são as que o mudam."
Jack Kerouac
 imagens/Google

segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Sábado, mais um dia proibido de trabalhar, os artesãos protestam/SOS ARTESANATO DE SP PARTE VIII

Seguimos proibidos de trabalhar aos Sábados na Rua Teodoro Sampaio.

Depois da 8ª semana sem trabalhar no ultimo espaço que havia sobrado para os artesãos de Rua de SP, o chefe da fiscalização da Prefeitura, o Sr. Raul ainda teve a "cara de pau", de passar de carro, parar no meio da rua, atrapalhando o transito , e me chamar para dizer que a nossa manifestação é correta mas que a tentativa de um artesão de tentar vender a sua mercadoria, um pouco mais abaixo na rua, não estava certo. Eu ainda tentei explicar pra ele que todos tem o direito a sobrevivencia, de um modo ou de outro e perguntei como ele fazia para colocar gasolina no carro. Esta proibido trabalhar, os artesãos que são tratados como bandidos pela Prefeitura de SP, que estão sendo humilhados, já perderam tudo o que tinham que perder e agora só resta a guerra de tentar abrir um pequeno painel enquanto a Prefeitura não vem, se a prefeitura passar e conseguir pegar o material, tudo bem, vai ser como sempre foi, eles pegam a mercadoria de meses de trabalho, colocam em um saco e depois jogam num deposito qualquer pra estragar , mas se eles não conseguirem pegar o material, eles perderam e não podem fazer como o que ocorreu neste sábado, tentaram fechar o carro de um artesão quando ele guardava as suas coisas, quase causando um acidente .Primeiro que fiscal não tem o poder de policia, que pode pedir vistoria num carro e mesmo assim só pode pegar o material se for produto ilegal e, artesanato não é um produto ilegal, inclusive é isento de imposto. A coisa é mais ou menos parecida com a questão do flagrante policial, é preciso pegar o ato ilegal sendo praticado, o delito, para prender, sem isto não há prisão. Depois de tudo eu discuti com ele, que me ameaçou dizendo que ia chamar a policia, O QUE ACABOU FAZENDO , ficaram "plantados" na nossa frente até as 7 hs da noite, não tivemos nenhuma chance. Ele ainda deu muita sorte de estar lidando com pessoas pacificas, que podem a qualquer momento, devido a cabeça já estar estourando pela pressão de contas pra pagar, e tudo o mais que uma situação da falta de dinheiro trás, acabar fazendo uma besteira ali mesmo na rua. Aí talves algum dos muitos políticos que já conheceram a nossa situação, a história que já foi contada de como e qual o motivo que levou os artesãos de SP a ficarem a margem das feiras na cidade,resolvam fazer alguma coisa de fato, porque é esta a função de um agente publico, é pra isto que a população que paga os seus impostos votam em seus candidatos, seus representantes.
De qualquer maneira, não sairemos da Teodoro Sampaio, logo estaremos indo a Defensoria Publica e lá daremos nomes aos "bois" e nas próximas eleições também faremos a nossa lista para o "MURAL DA TEODORO SAMPAIO"

































































O que é ilegal e o que é legal afinal neste país?

Se a Prefeitura não reconhece que o artesanato é uma profissão dinâmica e que há necessidade da criação de espaços e formas de dar condições ao trabalho, ao contrario não autoriza nada, não dá TPUS, como ela pode classificar uma tentativa que esta dando certo de ilegal?
Ao mesmo tempo que a prefeitura manda a sua tropa para cobrar esta legalidade e não cobra a legalidade do lado, "bem na cara", na feira da Praça Benedito Calixto, onde existe uma cobrança indevida do espaço publico, onde pessoas controlam este espaço, ditam as ordens, quem então é o ilegal nesta história? As Praças ainda não foram privatizadas e mesmo que o poder publico goste de algum suposto "dono de feira" e conceda este beneficio, isto é ilegal.












































































































 Ator João Signorelli que faz "Gandhi"













Fazendo o manifesto com o material que vem do lixo e depois volta para a reciclagem



quinta-feira, 24 de novembro de 2011

Artesanato em São Paulo é crime...enquanto isto na Terradonunka...

MP pede afastamento de Kassab por fraude na inspeção veicular

O Ministério Público Estadual (MPE) pediu nesta quinta (24) o afastamento do prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (PSD). De acordo com o site do "Estado de S. Paulo", Kassab, o secretário municipal do Verde e Meio Ambiente, Eduardo Jorge, seis empresas (entre elas a CCR e a Controlar) e 13 empresários são acusados de participar de uma fraude bilionária no contrato do serviço da inspeção veicular na cidade.

A Promotoria de Justiça de Defesa do Patrimônio Público e Social pediu o bloqueio dos bens dos envolvidos, a perda dos direitos políticos e a condenação por improbidade administrativa dos acusados. A ação pede a suspensão imediata da inspeção veicular, a devolução dos valores de multas cobradas dos moradores de São Paulo, além de indenização por danos morais aos donos de veículos.

De acordo com o MPE, o problema é a forma como a inspeção foi executada em São Paulo. A criação da empresa Controlar e as sucessivas prorrogações de contrato teriam sido fraudadas com apresentação de garantias, documentos e informações falsos.
http://br.noticias.yahoo.com/mp-pede-afastamento-de-kassab-por-fraude-na-inspe%C3%A7%C3%A3o-veicular.html
 Neste momento de profunda inspiração, recebo mensagens de planetas distantes, planetas que costumava passear as vezes, em um passado não muito distante, las pelas 'quebradas " de Jericoacoara, Canoa Quebrada, depois de algumas caipirinhas, não vamos falar aqui dos chás de Zabumba e nem dos perigosos Cogumelos...estou ouvindo...me pedem para fazer uma nova letra pra quem sabe, outra belíssima canção...

Os Duendes salvarão os artesãos
Sim somente os Duendes tem este poder
Sim somente os Duendes
Eles salvarão
Sim eu acredito nestes baixinho verdes
Sábado na Teodoro
correram em nossa direção para nos libertar
Não precisaremos mais de reuniões
Nem mais 10000 assinaturas de apoio
Vamos poder trabalhar
E então vamos comprar a cerveja barata do Chinês
Não mais correr do Rapa
Teremos a nossa festa de Natal na Terra dos  verdes
Sim eu acredito...
No milagre dos Duendes
E seguiremos todos dando as mãos
Juntos cantando e voando em direção a terra dos Duendes
Vanderlei Prado

domingo, 20 de novembro de 2011

Cantem esta musica...por todo o mundo.

 Rockin' in The Free World

There's colors on the street
Red, white and blue
People shufflin' their feet
People sleepin' in their shoes
But there's a warning sign on the road ahead
There's lot of people sayin' we'd better off dead
Don't feel like Satan, but I am to them
So I try to forget it, any way I can.

Keep on rockin' in the free world
Keep on rockin' in the free world
Keep on rockin' in the free world
Keep on rockin' in the free world

I see a woman in the night
With a baby in her hand
Under an old street light
Near a garbage can
Now she puts the kid away, and she's gone to get a hit
She hates her life and what she's done to it
There's one more kid that will never go to school
Never get to fall in love, never get to be cool

Keep on rockin' in the free world
Keep on rockin' in the free world
Keep on rockin' in the free world
Keep on rockin' in the free world

We got a thousand points of light
For the homeless man
We got a kinder, gentler,
Machine gun hand
We got department stores and toilet paper
Got styrofoam boxes for the ozone layer
Got a man of the people, says keep hope alive
Got fuel to burn, got roads to drive

Keep on rockin' in the free world
Keep on rockin' in the free world
Keep on rockin' in the free world
Keep on rockin' in the free world

Rockin' In The Free World/Neil Young  /   tommyy1956

terça-feira, 15 de novembro de 2011

segunda-feira, 14 de novembro de 2011

Sábado, mais um dia proibido de trabalhar, os artesãos protestam/SOS ARTESANATO DE SP PARTE VI

Mais um sábado sem poder trabalhar, o 5º. A feirinha da Teodoro Sampaio era o ultimo lugar que a os artesãos de Rua de São Paulo ainda estavam conseguindo trabalhar, mostrar seus produtos sem precisar estar correndo pela cidade com medo de perder o material pra Tropa a serviço da Prefeitura. A região da Teodoro também é um dos poucos lugares de SP que artistas de rua e artesãos podem encontrar um publico que busca este tipo de arte diferenciada, da esquina da Rua Lisboa até a João Moura, sempre tem algo diferente pra um turista que, mesmo de passagem, pode passar algumas horas e ir se situando na cidade. Aos sábados na Teodoro, depois de descer a rua as pessoas seguem para os bares que se espalham por outras ruas, fazem compras nas lojas. Toda a área que compreende muitas quadras é naturalmente voltada para a cultura de diversos tipos, praticamente tem de tudo e principalmente a cultura popular, de Rua que é o que turistas brasileiros e estrangeiros mais gostam porque é mais fácil pra encontrar pessoas, diferente dos espaços mais fechados como museus, teatros que você compra o seu ingresso, assiste e geralmente entra no carro e vai embora. Esta cultura de rua complementa a outra, mais fechada e isto acaba trazendo mais turistas e mais dinheiro para a cidade. A cultura é um dos pontos fortes de SP e a cidade pode ter mais lugares como este é só a Prefeitura verificar o local que já tem um movimento natural e ajudar, inclusive poderia, se as pessoas designadas para isto forem realmente qualificadas, melhorar os espaços para todos.
Este é o caminho e não este da Repressão simples sem levar em conta o direito do artista e artesão ao trabalho e o direito das pessoas que gostam da feirinha e de toda a região. As pessoas seguem assinando e falando, reclamando, ontem um grupo de amigos que não sabia que a feirinha tinha acabado disse, não gostando do que viu, se a Prefeitura perguntou para os frequentadores da Rua se eles queriam esta proibição, as lojas da frente também reclamam da queda nas vendas pela diminuição do publico.A Feirinha que já virou tradição não pode acabar porque um pequeno grupo de pessoas se juntam fazem um projeto e conseguem colocar as suas ideias sem consultar o resto das pessoas. A Feirinha não pode acabar por qualquer tipo de acordo que tenha sido feito em alguma reunião sem a presença de representantes da população. Nós não estamos na Época do feudalismo e nem do Coronelismo e muito menos da Ditadura Militar pra acontecer isto. Pior ainda é a atitude dos representantes do poder publico que nada fazem para mudar a situação sabendo do nosso caso à muito tempo. Mas se algo serve de consolo, além de que não vamos desistir dos nossos direitos, é o de saber que logo tem eleição e uma coisa a Prefeitura não vai poder fazer, proibir o nosso direito de contar toda a história desta" SACANAGEM" NO NOSSO MURAL DA RUA TEODORO SAMPAIO, SEGUIREMOS LÁ SEM TEMPO PARA PARAR





O MURAL DA TEODORO







































































O dia do ladrão Fui roubado, entraram na minha casa, quebraram o vidro e arrombaram um cadeado, já era previsto e tinha tirado já ...